Grupo Cidade
Grupo Cidade
PDT realiza debate virtual com pré-candidatos à Prefeitura de Fortaleza


Salmito Filho | Foto: Divulgação

Os pré-candidatos a prefeito de Fortaleza pelo PDT participarão de um debate durante uma live nesta quarta-feira (22), às 18 horas. O deputado estadual Salmito Filho, o secretário licenciado da Secretaria Regional II, Ferruccio Feitosa, o deputado federal Idilvan Alencar, o secretário licenciado do prefeito Roberto Claudio, Samuel Dias, e o atual presidente da Assembleia Legislativa, José Sarto, participarão do encontro virtual.

O candidato do Partido Democrático Trabalhista à Prefeitura de Fortaleza deve sair desse grupo e receberá o apoio maciço de Roberto Claudio, do ex-ministro Ciro Gomes e do senador Cid Gomes. 

Forte oposição

O pré-candidato Capitão Wagner (PROS) fez duras críticas ao atual gestor da capital cearense durante entrevista ao Frisson News. “O meu principal projeto vai ser acabar com as filas de cirurgias e exames na saúde pública de Fortaleza, bem como criar um ambiente de negócios e novos empreendimentos para a Cidade. Todo e qualquer empreendedor que já esteja em Fortaleza vai ser incentivado para criar uma filial. A gente tem a ideia de criar o Ano 1 do Empreendedor, em que ele será livre dos tributos municipais, tanto aquele que está abrindo uma nova filial ou aquele que se instala em Fortaleza com o objetivo de gerar emprego e renda para toda a população. Sou muito aberto ao diálogo. Todos os setores da sociedade, desde a sociedade civil, academia, os partidos que pensam próximo à gente, iremos dialogar sem qualquer dificuldade, mas, obviamente, a gente não tem clima, não tem condições de dialogar com quem está no poder neste momento, que é um bloco que envolve o PT e o PDT, que já tiveram 16 anos para fazer o que poderiam fazer pela cidade de Fortaleza. Infelizmente, vamos receber a cidade com muitos problemas sociais”, disse.

A pré-candidata Luizianne Lins (PT), por sua vez, demonstrou entusiasmo com a possibilidade de retorno ao Paço Municipal. “Da mesma forma que fizemos em nossa primeira candidatura em 2004, vamos ter um processo participativo, onde ouviremos e discutiremos com os mais diversos setores sociais. Faremos isso não apenas com setores da academia ou com quadros partidários, mas também com a população e seus mais diversos segmentos e dos mais diversos bairros. Pretendemos conversar com os mais diversos setores, tanto do PT como também de outros partidos. Mas a ideia de que o PT tenha uma candidatura forte em Fortaleza faz parte de uma orientação nacional do PT. (Desejo) Uma cidade onde todas as pessoas possam viver plenamente e não apenas sobreviver. Onde morar na periferia não seja sinônimo da pessoa ser excluída do acesso à cultura, ao lazer, à educação, à saúde. Que as pessoas possam andar durante o dia ou à noite em segurança. Uma cidade que possa garantir uma vida digna e feliz para todos e todas”, enfatizou em entrevista ao Frisson News.

Confira a entrevista com o pré-candidato Capitão Wagner

Confira a entrevista com a pré-candidata Luizianne Lins

COMENTÁRIOS